29/09/2015

(Li até a página 100 e...) Reescrevendo Sonhos - Marcia Dantas


 PRIMEIRA FRASE DA PÁGINA 100:
“[...] estivesse fora do hospital”


DO QUE SE TRATA O LIVRO?
Após um acontecimento trágico na vida de Luciana Monteiro, a escritora se encontra em um intenso bloqueio criativo. Após a tragédia, seus livros passam a ganhar notoriedade no meio literário. A editora, visando lucrar com o repentino sucesso, envia uma agente para auxiliar Luciana a terminar sua mais nova obra, ou seja, quebrar o bloqueio criativo. O que Luciana não esperava é que Bárbara, a agente, é a mulher que sempre aparece em seus sonhos.

O QUE ESTÁ ACHANDO ATÉ AGORA?
Estou amando muito, cara! Aliás, para mim seria impossível não gostar, amo ler livros onde escritores são os protagonistas.

O QUE ESTÁ ACHANDO DO PERSONAGEM PRINCIPAL?
Me identifico bastante com a Luciana, com algumas das suas “esquisitices de escritora” e com seus hábitos metódicos.

MELHOR QUOTE ATÉ AGORA?
Os leitores às vezes menosprezam o poder que têm quando tomam uma obra na ponta de seus dedos e a consomem com afã, declarando depois as horas agradáveis que passaram na companhia daqueles personagens e suas histórias. Cada vez que um leitor afirma seu amor por uma história, é como se fosse capaz de pulsar nova vida através das veias do escritor. (Página 55)

VAI CONTINUAR LENDO?
Sem sombras de dúvidas. Quero saber como a Luciana irá sair dessa “fossa”.

ÚLTIMA FRASE DA PÁGINA?
“Houve um suspiro profundo do outro lado da linha”

*PERSONAGEM MARCANTE?
Impossível não citar Bárbara como a personagem mais marcante. Aparentemente, a agente seria o completo oposto da escritora, mas não é bem assim. As duas amam de forma exagerada o que fazem. E, cara, como eu cobiço o emprego da Bárbara. #InvejaDoBem.



FICHA TÉCNICA
Sinopse: Luciana sempre soube da capacidade de sua mente de criar boas histórias para os seus livros, mas jamais poderia imaginar que também poderiam surgir sonhos tão fora do comum. A escritora, que encontrou a prisão de uma crise criativa depois de uma tragédia vivida, viu nos sonhos com o rosto de uma mulher desconhecida o impulso que precisava para começar um novo livro. No entanto, a ausência de respostas para a origem da misteriosa alucinação acabou não permitindo que a história encontrasse um desfecho adequado. O que ela não poderia esperar era que a ajuda viria de Bárbara, uma pessoa enviada especialmente pela editora, cuja semelhança assustadora com a pessoa de seus sonhos fez com que as perguntas sobre os mistérios de sua mente ficassem ainda mais complexas e intrigantes. Reescrevendo Sonhos é uma história sobre barreiras que são impostas por nós mesmos. E como a mente, um lugar realmente misterioso, pode revelar mais respostas que podemos imaginar.
Adicione ao skoob aqui
Título: Reescrevendo Sonhos
Autora: Marcia Dantas
213 páginas
Editora: Novo Romance
ISBN: 978-85-68254-20-2
Edição: 1
Ano: 2015
Gênero: Romance/drama


28/09/2015

(Li até a página 100 e...) A Primeira Carta - Erivaldo Manoel



PRIMEIRA FRASE DA PÁGINA 100:
“[..] instantes ficamos intrigados com aquilo.”

DO QUE SE TRATA O LIVRO?
A história começa com Dill recebendo uma carta de Wendel, seu grande amor, que está há muito tempo longe e em um lugar inóspito. Depois, mergulhamos em um flashback, onde iremos entender como esse amor surgiu, um amor de infância. 

O QUE ESTÁ ACHANDO ATÉ AGORA?
Estou gostando muito. A primeira Carta é um livro teen, mas ao mesmo tempo é tão maduro.

O QUE ESTÁ ACHANDO DO PERSONAGEM PRINCIPAL?
Ela é do tipo menina do bem, mas agora começou a fazer algumas burradas, mas todo mundo um dia comete algumas burradas, principalmente quem perdeu o pai tão cedo e quem tem um mãe “cabeça oca” como Arianne.  

MELHOR QUOTE ATÉ AGORA?
“Destino, uma palavra, um caminho, não sabemos na verdade o que é. Sei que não devemos subestimar sua existência, pois mesmo que não crê tem um... Afinal todos nós temos um fim. Esse seria então o significado? Viver para um fim? É um pensamento triste e que nos leva a tentar um propósito dentre milhares existentes em nossa vida, o principal deles que é fazer a vida valer à pena!” (Página 20-21)
VAI CONTINUAR LENDO?
Com certeza! Quero ver o reencontro de Dill e Wendel, além de querer entender como esse romance chegou ao ponto dos dois passarem tanto tempo separados.  

ÚLTIMA FRASE DA PÁGINA?
“Eu apertei o play, e Kat já se encolhia embaixo do travesseiro”

*PERSONAGEM MARCANTE?
Gostei bastante da Katrina, me identifiquei um pouco com ela no começo da história:

“Katrina, por outro lado, era a mais relaxada, cabelos soltos direto, longos e enrolados, olhos castanhos. Ela tinha um péssimo gosto para roupas. Por outro lado, era uma excelente conselheira.

Arianne já havia tentado mudá-la, mas esse era o seu jeito. O que me fez gostar ainda mais dela, pois não muda por opinião dos outros, ela é a própria opinião, se está bom par ela, está e pronto.” (Página 16)

Essa sou eu, cara (risos)! Se não fosse pelo “T”, seríamos xará. 


FICHA TÉCNICA
Sinopse: Dill Vorantin, é da cidade de Santa Luzia, localizada em São Paulo, filha de Aranne Vorantin e Viatri Vorantin. Aprender a superar desafios é um dos pontos chave do enredo, onde o amor (das diversas formas) mostra que é força inquestionável para superar as barreiras do impossível, o que move Dill a continuar seguindo seus objetivos, ainda que muitas correntes opostas se ergam contra seu sucesso. A paixão, a fé e a esperança em reencontrar o amado Wendel Stuart, guiará a jovem através das surpresas da vida, ajudando-a em seu amadurecimento como pessoa, filha, neta e mulher apaixonada. A história visa mostrar ao leitor possibilidades de se ter otimismo diante de situações desesperadoras e um olhar para os problemas enfrentados na vida, através de sentimentos escondidos nas coisas mais simples e não percebidas no dia-a-dia. Paralelo ao romance, também temos certo suspense policial diante as investigações do detetive Stevens sobre o assassinato de Miranda Sevan, mãe dos amigos próximos de Dill Vorantin – William e Katrina. Viva a expectativa de amar, apaixonar-se, confundir-se e por vezes perder-se no universo, onde palavras são insuficientes para descrever o sentimento mais confuso e complexo de todos os humanos. O amor.

Adicione ao skoob aqui
Título: A Primeira Carta
Subtítulo: Amar por paixão, é ilusão
Autor:  Erivaldo Manoel
225 páginas
Editora: O Tordo Editorial
ISBN: 978-85-68920-00-8
Edição: 1
Ano: 2015
Gênero: Romance/Drama
Compre: O Tordo Editorial (Site da editora)

Um abraço e até outra hora! 

25/09/2015

(Nova Parceria) Blog Casinha da Literatura

  

É com muita alegria que anuncio que o blog Casinha da Literatura (nome fofo) é o mais novo parceiro do blog. EBA!

O nome do blog já diz tudo sobre ele: é um blog destinado a falar sobre Literatura e tudo o que pode envolver este universo.



É isso, gente! Deem uma  passadinha lá e curtam a fanpage do blog!

Um abraço e até outra hora!

(Nova Parceria) Flávia Duduch, autora de "Para Sempre Ela"

Quero me desculpar de verdade com a Flávia Duduch. Nós firmamos parceria há muito, muito, muito tempo e, como a faculdade consome todo o meu tempo, ainda não li seu livro, nem anunciei nossa parceria aqui no blog. Então, agora, nesse exato momento, estou anunciando que a Flávia Duduch é a nossa nova parceira e seu livro, Para Sempre Ela, faz parte do Desafio: 6 livros em um mês, ou seja, tenho até o dia 23 de outubro para lê-lo e resenhá-lo. 






FLÁVIA DUDUCH nasceu em 1996 em São Paulo – SP, mas no momento, reside no interior, em Campinas, e desde que se entende por gente, inventava histórias. Começou a se aventurar no mundo das fanfics, escrevendo constantemente mesmo que ela nunca conseguisse terminá-las. E já que não conseguia terminar nenhuma fanfic, resolveu começar a escrever suas próprias histórias originais, e deu certo! Aos doze anos terminou de escrever o primeiro livro infantil, “Os Irmãos Scott”, de 80 páginas. E deu tão certo que publicou seu primeiro livro aos 17 anos, através da Editora Novo Século, intitulado Marca da Lua – Revelando o CicloEnquanto escrevia, Flávia também organizava eventos de fãs e tinha uma vida ativa na internet com o blog dedicado a Harry Potter que fechou, porque ficou concentrada apenas na escrita, ficando sem tempo para administrar o site. E em maio de 2015 o conto romântico que escreveu no inicio do ano, será publicado na antologia De Repente Nós pela editora Andross, no evento Livros em Pauta, em São Paulo – SP.

Entre em contato: 
Facebook | Twitter | Instagram 

Quando vi que a protagonista havia sofrido bullying, não me aguentei de curiosidade: solicitei uma parceria com a Flávia. Portanto, fiquem com a sinopse do livro:

Sinopse: Depois de anos sendo escolhida para ser o centro das pegadinhas e gozações no ensino médio, o tempo passa e Hannah se torna uma mulher, acima de tudo, forte. Entretanto, essa força seria suficiente para sobreviver a um tiro e descobrir que o médico que salvou sua vida é ninguém mais, ninguém menos, do que toda a fonte de seus problemas no ensino médio? Ela diz que perdoou Frank, mas Frank ainda não se perdoou por ter feito ela passar por tudo aquilo. Talvez esses sejam os motivos que fizeram Hannah deixar que ele se aproximasse, só que, diferente da última vez, agora é para sempre. Sentimentos que foram enterrados no fundo da alma de ambos irão voltar À tona... E tudo por causa de uma bala perdida que acabou acertando Hannah de raspão.



Um abraço e até outra hora! 

(Nova Parceria) Erivaldo Manoel, autor de "A Primeira Carta"

Olá, gente! Hoje vim anunciar o "novo" parceiro do blog. "Novo" com aspas, porque essa parceria já foi firmada há um tempão, só que ainda não tinha sido anunciada aqui no blog. Bem, já pedi isto em outro post, mas vou pedir de novo: Erivaldo, desculpa pelo atraso em anunciar nossa parceria (*Carinha triste* Vai me desculpar? ).


ERIVALDO MANOEL nasceu na cidade de Mauá, estado de São Paulo, no ano de 1992. Atualmente estuda pedagogia na faculdade UNIESP/FAMA. Passou por várias provas em sua vida, entretanto, segundo próprio autor, a que mais lhe causa orgulho em ter superado foi o câncer que teve na garganta, mas foi curado por Deus. Realizou serviço voluntário na biblioteca pública Cecília Meireles (Em Mauá), para cumprir o contrato com a faculdade, precisou mudar de instituição devido a distância de sua casa, e entrou para uma Associação de bairro na qual, ainda realiza as atividades voluntárias (auxílio a instituição a atender a comunidade carente). Trabalhou na Escola Municipal Cra Coralina lecionando a disciplina de fotografia no Programa Mais Educação e no mês de setembro transferiu-se para a Escola Estadual Marlene Camargo Ribeiro, lecionando alfabetização e letramento para alunos do 9º ano, através do mesmo programa. A Primeira Carta é o seu primeiro livro. Ama escrever e ler. "É realmente fascinante o mundo que podemos construir com as palavras".

ENCONTRE O AUTOR: Facebook / Blog / Site / Fanpage

O blog do autor, Renascer Literário, também é nosso parceiro (já falei disso em outro post, deem uma olhadinha lá). Agora fiquem com a sinopse do livro:

Sinopse: Dill Vorantin, é da cidade de Santa Luzia, localizada em São Paulo, filha de Aranne Vorantin e Viatri Vorantin. Aprender a superar desafios é um dos pontos chave do enredo, onde o amor (das diversas formas) mostra que é força inquestionável para superar as barreiras do impossível, o que move Dill a continuar seguindo seus objetivos, ainda que muitas correntes opostas se ergam contra seu sucesso. A paixão, a fé e a esperança em reencontrar o amado Wendel Stuart, guiará a jovem através das surpresas da vida, ajudando-a em seu amadurecimento como pessoa, filha, neta e mulher apaixonada. A história visa mostrar ao leitor possibilidades de se ter otimismo diante de situações desesperadoras e um olhar para os problemas enfrentados na vida, através de sentimentos escondidos nas coisas mais simples e não percebidas no dia-a-dia.  Paralelo ao romance, também temos certo suspense policial diante as investigações do detetive Stevens sobre o assassinato de Miranda Sevan, mãe dos amigos próximos de Dill Vorantin – William e Katrina. Viva a expectativa de amar, se apaixonar, confundir-se e por vezes perder-se no universo, onde palavras são insuficientes para descrever o sentimento mais confuso e complexo de todos os humanos. O amor.
Adicione ao skoob aqui
Título: A Primeira Carta
Subtítulo: Amar por paixão, é ilusão
Autor:  Erivaldo Manoel
225 páginas
Editora: O Tordo Editorial
ISBN: 978-85-68920-00-8
Edição: 1
Ano: 2015
Gênero: Romance/Drama
Compre: O Tordo Editorial (Site da editora)

Gostei bastante da premissa do livro, amo dramas (só em livros, tá?), mas o que chamou atenção inicialmente foi a frase da capa: "Amar por paixão, é ilusão". Gosto bastante quando um autor diferencia em suas obras o amor da paixão. 

O livro já chegou aqui e já comecei a lê-lo. Lembrado que esse livro faz parte da Desafio: 6 livros em um mês, ou seja, tenho até o dia 23 de outubro para lê-lo e resenhá-lo. Aguardem a resenha ;) 

Um abraço e até outra hora!

PS: O Erivaldo Manoel anunciou a nossa parceria lá no blog dele, deem uma olhada , achei o post tão fofo! Cada palavrinha ficou guardada no S2.


23/09/2015

Desafio literário: 6 livros em um mês e pedido de desculpas


Olá, gente! Aqui quem fala é a blogueira sumida... Antes de tudo, quero mostrar o novo layout do blog:




Tem gente que acha essa coruja do blog feia, sem graça (indireta para quem nem tá lendo essa postagem), mas eu curto bastante, sem contar que ela já é a cara do blog, então resolvi mudar pouca coisa mesmo, só quis deixar o visual um pouco mais, digamos, “elegante”. Ainda pretendo acrescentar alguns detalhes ao layout, mas isso vou organizando com o tempo. Agora, vamos falar sobre a falta de posts: sei que que não estou sendo uma boa blogueira e que não estou cumprindo com minhas responsabilidades. Pronto. Assumi o erro. Já é o primeiro passo (risos)

Já estou no segundo período da faculdade, curso Ciência da Computação, um curso bem difícil, aí fica difícil conciliar as leituras com o estudo, tanto que li apenas 7 livros esse ano (sim, isso é bem triste). Firmei parceria com alguns autores neste ano e ano passado, no entanto não tenho muito tempo para ler suas obras, nem para publicar no blog, tanto que algumas parcerias nem foram anunciadas ainda. Peço desculpas aos autores por não estar divulgando seus trabalhos, sempre que olho os seus e-mails já é com uma semana de atraso.

Agora, quero reparar meu erro, não é legal assumir compromissos e não cumpri-los depois. Portanto, lanço agora o DESAFIO: 6 LIVROS EM UM MÊS. Sei que o nome não é muito criativo, mas o importante é a intenção. Ler 6 livros em um mês não é algo desafiador, porém, como disse, a faculdade está tomando bastante do meu tempo, então será um desafio ler 6 livros em 30 dias.

Sempre fiquei com um pé atrás quando o assunto era participar de maratonas, desafio e afins, porque sou bastante competitiva, ou seja, acabaria ficando “zuretinha” tentando cumprir a meta de leitura... Outra expressão que nunca curtir muito foi esta: meta de leitura, pois parece ser algo pouco divertido, uma leitura obrigatória. Vou tentar não ficar “zuretinha”, juro (risos).

Enfim, criei esse desafio, onde eu mesma me desafio (#QueCoisaDivertida), com objetivo de ler os livros dos autores parceiros do blog e publicar as resenhas, isto é, divulgar seus trabalhos e trazer conteúdo para o blog.

Estes são livros que participarão do desafio, assim que uma resenha for publicada, atualizo esse post com o link:

O amor está no quarto ao lado – Li Mendi
A primeira carta – Erivaldo Manoel
Reescrevendo Sonhos – Márcia Dantas
A herdeira de Ótavos – Mylena Araújo
Para Sempre ela – Flávia Duduch
O enigma da percepção – Eliseu Santos 

Começo o desafio trapaceando: já estou quase terminando de ler O Amor Está no Quarto ao Lado, da autora mega compreensiva com meu atraso, Li Mendi.

Coloquei no nome de cada autor o link do post onde anunciei nossa parceria, lá vocês podem conhecer mais dos seus trabalhos, segui-los nas redes sociais, blogs, conhecer seus sites e etc.

O desafio começa hoje (23/09/2015) e vai até (23/10/2015).

Um abraço e me desejem sorte, please!



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...